Nurses Participation in Promoting Breastfeeding

Authors

  • Nicássia Sousa Mélo Faculdade Integradas de Patos
  • Maria Mirtes da Nóbrega
  • Kamila Nethielly Souza Leite
  • Sheila da Costa Rodrigues Silva Faculdades Integradas de Patos
  • Ester Missias Villaverde Antas
  • Ana Paula Dantas da Silva Faculdades Integradas de Patos
  • Silvia Ximenes Oliveira Faculdade Integradas de Patos
  • Erta Soraya Ribeiro César Faculdade Integradas de Patos
  • Thoyama Nadja Feliz Alencar Lima Faculdade Integradas de Patos
  • Talita Araújo de Souza Faculdades Integradas de Patos
  • Bruno Bezerra do Nascimento
  • Francisca Elidivania de farias Camboim Faculdade Integradas de Patos
  • José Cleston Alves Camboim
  • Desiny Dantas Melquíadas Azevedo
  • Edmara da Nóbrega Xavier Martins Faculdades Integradas de Patos
  • Juliane de Oliveira Costa Nobre Faculdades Integradas de Patos
  • Maryama Naara Félix Alencar Lima

DOI:

https://doi.org/10.3823/2021

Keywords:

La lactancia materna, enfermería, Lactancia.

Abstract

Objective: To analyze the nursing practices in the promotion of breast-feeding AM during pregnancy and childbirth. Method: The sample consisted of 50 mothers in the city of Diamond-PB. Data were collected through a demographic survey questionnaire and information about breastfeeding. Data were analyzed quantitatively using descriptive statistics. Results: mothers are aware of the importance of breastfeeding in meeting the child's needs and favoring the affective link between them; However, it was seen that the baby weaning occurred before the pediatric recommendation period; in relation to the nurse's role in promoting the PM noted that mothers received some form of guidance on breastfeeding, indicating that it is not the lack of access to information hinders the adoption of appropriate practices AM. Conclusion: we need a cultural change so that feeding the incentive stock will be achieved.

References

Almeida JM, Luz SAB, UED FV. Apoio ao aleitamento materno pelos profissionais de saúde: Revisão integrativa da literatura. Rev Paul Pediatr. 2014; 33 (3): 355-62.

Brasil. Ministério da Saúde. Pesquisa Nacional de Demografia e Saúde da Criança e da Mulher – PNDS 2006: dimensões do processo reprodutivo e da saúde da criança/ Ministério da Saúde, Centro Brasileiro de Análise e Planejamento. (Série G. Estatística e Informação em Saúde). 2009; 197-209.

Freixo MJV. Metodologia Científica- Fundamentos, Métodos e técnica. 4ª ed. Brasil: Instituto Piaget; 2012.

Creswell JW. Projeto de pesquisa: métodos qualitativo, quantitativo e misto. 3ª ed. Porto Alegre: Atmed, 2010.

Brasil. Ministério da Saúde. Conselho Nacional de Saúde. Resolução nº 466, de 12 de dezembro de 2012. Brasília.

Moura ERBB, Florentino ECL, Bezerra MEB, Machado ALG. Investigação dos fatores sociais que interferem na duração do aleitamento materno exclusivo. Revista Inter. 2015; 8(2): 94-116.

Caminha MFC, Serva VB, Arruda IKG, Filho MB. Aspectos históricos, científicos, socioeconômicos e institucionais do aleitamento materno. Rev Bra Saúde Mater Infant. 2010; 10(1): 25-37.

Escarce AG, Araujo NG, Friche AAL, Motta AR. Influência da orientação sobre aleitamento materno no comportamento das usuárias de um hospital universitário. Rev CEFAC. 2013; 15(6): 1570-71.

Brasil. Ministério da Saúde. Secretaria de Atenção à Saúde. Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. Cartilha para a mãe trabalhadora que amamenta / Ministério da Saúde, Secretaria de Atenção à Saúde, Departamento de Ações Programáticas Estratégicas. – Brasília: Ministério da Saúde, 2010.

Brasil. Constituição Federativa da República do Brasil de 1988.

Brasil. Presidência da República. Aprova a Consolidação das Leis do Trabalho. Lei nº 5.452 de 1 de maio de 1943. Rio de Janeiro, 1943.

Brasil. Presidência da República. Cria o Programa Empresa Cidadã, destinado à prorrogação da licença-maternidade mediante concessão de incentivo fiscal, e altera a Lei no 8.212, de 24 de julho de 1991. Lei nº 11.770 de 9 de Setembro de 2008. Brasília, 2008.

Santos L C, Ferrari AP, Tonete VLP. Contribuições da Enfermagem para o sucesso do aleitamento materno na adolescência: Revisão Integrativa da Literatura. Ciênc Cuid Saúde. 2009; 8 (4): 691-8.

Cruz SH, Germano JA, Tomasi E, Piccini RX, Thumé E. Orientações sobre amamentação: a vantagem do Programa de Saúde da Família em municípios gaúchos com mais de 100.000 habitantes no âmbito do PROESF. Rev Bra Epidemiol. 2010; 13(2): 259-267.

Nascimento VC, Oliveira MIC, Alves VH, Silva KS. Associação entre as orientações pré-natais em aleitamento materno e a satisfação com o apoio para amamentar. Revi Bras Saúde Mater Infant. 2013; 13 (2): 147-159.

Downloads

Published

2016-07-21

Issue

Section

Nursing

Most read articles by the same author(s)

<< < 1 2